-------- PUBLICIDADE --------
6 de abril de 2021
Educação

Com sonho de ser médico, jovem de Feira de Santana tira 980 na redação do Enem estudando em casa sem energia elétrica

Dedica√ß√£o, esfor√ßo, persist√™ncia e f√©. Com essas quatro palavras, o jovem feirense Matheus de Ara√ļjo Moreira Silva define a sua jornada de estudos para conquistar a t√£o sonhada vaga em um curso de Medicina. Agora em 2021, o estudante de 25 anos realizou a prova do Enem 2020 e tirou 980 na reda√ß√£o, quase a nota m√°xima, que √© de mil pontos na prova. No geral, ele fez 708 pontos.

Morador do bairro Viveiros, Matheus tem cinco irm√£os e estudou toda a sua vida em escola p√ļblica. Em entrevista ao Acorda Cidade, ele contou um pouco da sua trajet√≥ria, que seguir√° firme at√© ter em suas m√£os o diploma de m√©dico.

‚ÄúMinha Jornada nos estudos come√ßou em 2015. Eu estudava para fazer cursinho, estudava na biblioteca para medicina, por√©m com os entraves da vida acabei entrando em 2015 em enfermagem. Estudei dois anos e abandonei para tentar medicina, que era o meu sonho‚ÄĚ, relatou.

Desde que abandonou o curso de enfermagem e tendo poucos recursos √† sua frente, Matheus resolveu encarar o desafio de estudar para alcan√ßar a nota desejada no Enem. Ele respondia a in√ļmeras quest√Ķes de provas, e assim pegava os macetes.

‚ÄúEstudava atrav√©s de v√≠deo aulas no YouTube e algumas plataformas de estudo. Minha rotina de estudo era de domingo a domingo, sempre estudava, mesmo que fosse um pouco. De segunda a sexta, eu estudava das 6h √†s 17h e final de semana at√© √†s 14h. Estudava as quest√Ķes do Enem‚ÄĚ, afirmou.

Com a pandemia, veio também a insegurança, o medo, as bibliotecas fecharam e Matheus ficou sem ter onde estudar, já que em casa não conseguia se concentrar.

‚ÄúFiquei me perguntando onde iria estudar. A√≠ uma colega recebeu uma casa aqui no Viveiros, uma casa que n√£o tem energia. Foi muito complicado me adaptar. Em casa tenho cinco irm√£os, um que √© especial, n√£o tinha como estudar em casa. Acabei indo para essa casinha, que n√£o tinha energia, apenas √°gua. Peguei uma mesa e uma cadeira, assinei um pacote de internet e ficava l√° estudando at√© 17 horas, porque escurecia e tinha que voltar para casa, mas de vez em quando eu ligava a lanterna e ficava at√© √†s 19h‚ÄĚ, revelou Matheus ao Acorda Cidade.

Ao saber do resultado do exame este ano, o estudante de escola p√ļblica lembrou de todas as dificuldades que teve que enfrentar. O jovem ficou muito contente e grato a Deus ao ver o resultado de todo o seu esfor√ßo, materializado na nota do Enem.

‚ÄúEu pretendo cursar medicina e irei conseguir. No segundo semestre do ano, abrem as vagas para a estadual. Eu j√° analisei e vamos ver o que vai dar. Senti bastante dificuldade, porque sempre trabalhei para pagar os cursinhos, fazia cursinho p√ļblico como o UPT [Universidade Para Todos]. Foi um longo per√≠odo de estudo, de abdica√ß√£o, de esfor√ßo e quando voc√™ v√™ seu esfor√ßo materializado em uma nota, que √© o Enem, √© muito gratificante. O estudo d√° retorno‚ÄĚ, comemorou.

Grupos de estudo

Al√©m de toda a sua dedica√ß√£o para passar no Enem, Matheus de Ara√ļjo tamb√©m sempre teve o desejo de compartilhar o seu conhecimento com aqueles que, como ele, n√£o tinham condi√ß√Ķes de pagar por aulas particulares ou n√£o tinham acesso √† internet.

‚ÄúUma das coisas que eu fa√ßo h√° dois anos e tem me ajudado bastante √© dar refor√ßo √†s pessoas aqui no bairro, a um pre√ßo bem simples. Tinha pessoas que n√£o tinham condi√ß√Ķes financeiras e eu ministrava o conte√ļdo e ensinava assim mesmo, pois ensinando, eu estava refor√ßando o estudo e ajudando o colega que precisava. Eu dava refor√ßo, mas devido ao covid-19 ficou muito complicado se adaptar, porque muitos n√£o tinham internet boa e tamb√©m n√£o conseguiram fazer a migra√ß√£o do presencial para o EAD, ent√£o foi muito complicado. Fiz at√© um Instagram @negrescored, que √© uma forma de divulgar. Eu fiz tamb√©m um grupo de estudo no WhatsApp com as meninas aqui do bairro, porque eu vi que n√£o tinham um poder aquisitivo de poder pagar um tutor de reda√ß√£o, e todas conseguiram tirar acima de 900, mas de um modo geral √© dedica√ß√£o, esfor√ßo e persist√™ncia e o maior de tudo F√©. Ter F√© que em algum momento tudo vai acontecer‚ÄĚ, destacou o jovem.

Matheus revelou ainda algumas dicas de como os estudantes podem se dar bem na prova do Enem. Segundo ele, √© preciso obedecer a alguns pilares, que far√£o toda diferen√ßa na apreens√£o dos conte√ļdos.

‚ÄúAs dicas que posso dar para o Enem s√£o, se preparar, se organizar, fazer planejamentos, fazer muitas quest√Ķes, porque o segredo est√° em fazer quest√Ķes, ter uma rotina de estudo de 3 a 4 horas por dia, porque o Enem n√£o √© quantidade de estudo, √© qualidade, √© voc√™ fazer muita quest√£o, assistir a v√≠deoaula, fazer resumo, revisar, mas sempre estar fazendo quest√Ķes. As dicas s√£o essas: estudar todo dia um pouquinho e acreditar nos seus sonhos, porque se voc√™ n√£o acreditar no seu sonho, ningu√©m vai acreditar por voc√™. Entregar na m√£o de Deus e fazer a sua parte, porque em algum momento voc√™ vai colher seus frutos. Al√©m disso, tem a quest√£o da disciplina, organiza√ß√£o, ter metas semanais e fazer pequenos blocos de estudo de 30 a 50 minutos‚ÄĚ, orientou.

Foco e Fé

O morador do bairro Viveiros elencou ainda as raz√Ķes pelas quais sempre acreditou no estudo como a ferramenta que traria grandes mudan√ßas em sua vida. Para ele, o conhecimento foi elemento que Deus colocou na vida para conseguir almejar coisas boas para ele e para a sua fam√≠lia.

‚ÄúO estudo para mim √© algo que eu vejo como a √ļnica forma que tenho para crescer na vida. Tem at√© uma frase que eu utilizo para minha: ‚Äėa educa√ß√£o modifica vidas, assim como Jesus modifica o seu interior‚Äô. E para os jovens a dica, √© que devem p√īr na cabe√ßa que ‚Äėum sonho sem a√ß√£o √© apenas um pensamento‚Äô‚ÄĚ, declarou.

Para Matheus, outra meta de vida é servir de inspiração para outros jovens, para que possam se espelhar com orgulho nesse jovem pobre, negro, de bairro periférico de Feira de Santana, mas que com muita garra e Fé, deixou para trás tudo aquilo que poderia se tornar um empecilho, a fim de prosseguir para o alvo, e a cada dia trilha, dando um passo de cada vez, o caminho para o sucesso profissional.

‚ÄúO Viveiros √© um bairro perif√©rico, e a maioria dos jovens se envolve com drogas, bebidas, tr√°fico. Espero que esses jovens que n√£o se envolvam, vejam que eu consegui e se espelhem. Vejam que o estudo √© uma forma de sa√≠da dessa porta err√īnea‚ÄĚ, completou.

Cade investiga tabelamento de preço de combustíveis
ECONOMIA

O Conselho Administrativo de Defesa Econ√īmica (Cade) tem em andamento de 11 investiga√ß√Ķes de infra√ß√Ķes √† ordem econ√īmica no mercado de combust√≠veis.

Boa parte dos processos diz respeito √† atua√ß√£o de sindicatos no sentido de ‚Äúinduzir uma conduta comercial por parte dos seus associados‚ÄĚ, disse o presidente do Cade, Alexandre Barreto em audi√™ncia p√ļblica nesta ter√ßa-feira (6) na Comiss√£o de Assuntos Econ√īmicos (CAE) do Senado.

Segundo o Cade, desde 2013, foram julgados 28 processos sobre o assunto, que abrangeram 17 unidades da Federa√ß√£o. As multas aplicadas somam R$ 495 milh√Ķes em condena√ß√Ķes por condutas diversas como forma√ß√£o de cartel entre postos de combust√≠veis; tabelamento de pre√ßos praticados por sindicatos; indu√ß√£o de conduta comercial uniforme, que ocorre quando sindicatos ou cooperativas indicam aos associados qual o pre√ßo a ser adotado.

De acordo com o conselho, no setor de combustíveis, a tendência de homogeneização de preços faz com que os valores praticados, pelo menos em uma mesma praça, sejam muito próximos.

‚ÄúUma coincid√™ncia de pre√ßos, um fen√īmeno que, em direito concorrencial, √© conhecido como paralelismo de pre√ßos, n√£o significa necessariamente que estamos tratando de um cartel, muito embora o mercado de revenda de combust√≠veis, principalmente, seja um mercado que, sim, de maneira regular, tem sido investigado pelo Cade. N√≥s temos diversos ind√≠cios de cart√©is em investiga√ß√Ķes espec√≠ficas que foram conduzidas pelo Cade‚ÄĚ, explicou Barreto.


6 de abril de 2021
Brumado

Brumado é uma das cidades com mais mortes em março que em toda a pandemia de coronavírus no país

Foto Sudoeste Acontece

A capital do min√©rio est√° na lista das 10 cidades¬†populosas onde a pandemia do novo coronav√≠rus (Covid-19), provocou mais mortes no¬†m√™s¬†de mar√ßo deste ano do que em todos os meses anteriores de 2020.¬†Segundo o levantamento¬†do n√ļcleo de an√°lise¬†do Metr√≥poles, Brumado¬†est√° em sexto lugar em um ranking de 464 cidades brasileiras.

 Entre as 10 cidades mais populosas que registraram aumento de óbitos em março, quatro pertencem ao Rio Grande do Sul. São Paulo também aparece no ranking, em segundo e terceiro lugar, com as cidades de Assis e Avaré, respectivamente. Brumado, União da Vitória (PR), Palmas (PR) e Quirinópolis (GO) aparecem logo em seguida. 


6 de abril de 2021
Brumado

Brumado: empresa responsável por gerir UTI Covid tem telefone de entidade filantrópica e capital social de R$ 3 mil, diz jornal

Foto Sudoeste Acontece

A UTI Covid de Brumado t√° dando o que falar. Na √ļltima segunda-feira em Sess√£o virtual, o vereador Rei do Doming√£o (DEM), fez severas cr√≠ticas quanto ao n√ļmero de pessoas aglomeradas para inaugurar a Unidade de Terapia Intensiva (Covid-19), sem contar o deputado que apareceu como papagaio de pirata sendo o pai da crian√ßa.

Agora a empresa¬†J & M Servi√ßos M√©dicos SC Ltda que foi contratada pela prefeitura municipal de Brumado por mais de R$ 4 milh√Ķes para gerir todo complexo da UTI Covid instalada no Hospital Professor Magalh√£es Neto (HMPMN), √© acusada de n√£o ter patrim√īnio¬†condizente,¬†al√©m da Classifica√ß√£o Nacional de Atividades Econ√īmicas (CNAE) da empresa n√£o existir nenhuma atividade relacionada √† urg√™ncia e emerg√™ncia em sa√ļde p√ļblica.

Outra quest√£o levantada pelo jornal Eco, o contato telef√īnico informado no CNPJ¬†da empresa pertence a uma institui√ß√£o filantr√≥pica e¬†de n√£o localizar o endere√ßo da empresa citada em Paramirim.

O município contratou a empresa por 6 meses. São 1800 diárias para leitos clínicos no valor unitário de R$ 708,57, totalizando R$ 1.275.426,00, e 1800 diárias para leitos em UTI Adulto tipo II com valor unitário de R$ 1600,00, totalizando R$ 2.880.000,00, chegando ao total de R$ 4.155.426,00. 


Tags:
6 de abril de 2021
Brumado

Vereador Beto Bonelly cobra ação da prefeitura no combate à Covid-19

¬†O¬†vereador Beto¬†Bonelly¬†(PSB) cobrou na sess√£o virtual da C√Ęmara Municipal de Brumado na √ļltima segunda-feira (6),¬†a√ß√£o da prefeitura no combate ao novo coronav√≠rus¬†(Covid-19).

O vereador falou do¬†alto √≠ndice de mortalidade pelo v√≠rus em Brumado que¬†est√° maior do que em Vit√≥ria da Conquista e Guanambi. “Est√£o morrendo nossos amigos e conterr√Ęneos e n√£o vemos a prefeitura fazer nada para combater o coronav√≠rus¬†na cidade”.

Beto questionou ‚Äúpor que n√£o tentar a desinfec√ß√£o de logradouros p√ļblicos?¬†‚ÄúUma caminhada de 1 mil metros come√ßa com o primeiro passo. Ent√£o, est√° faltando organiza√ß√£o, planejamento, a√ß√£o e di√°logo‚ÄĚ, criticou, se referindo √† Administra√ß√£o Municipal de Brumado.¬†


6 de abril de 2021
Brumado

Brumado confirma quatro mortes de Covid-19 nas √ļltimas 24 horas

Foto Sudoeste Acontece

Nesta segunda-feira (5), a Secretaria Municipal de Sa√ļde (SESAU), divulgou o boletim epidemiol√≥gico com mais quatro mortes pelo novo coronav√≠rus Covid-19 em Brumado.

O¬†total de notifica√ß√Ķes suspeitas √© de 17413,¬†7231 casos confirmados da Covid-19, o novo coronav√≠rus. Entre os diagn√≥sticos: 46 interna√ß√Ķes, 131 √≥bitos, 698 pacientes em tratamento e 6402 recuperados.

No momento, 51 ainda aguardam resultado laboratorial e 9011 já foram descartados. 


Tags:
6 de abril de 2021
Cidades

Malhada de Pedras: MP abre inquérito para apurar suspeita de contratação irregular de médicos

Foto Sudoeste Acontece

Um caso suspeito de superfaturamento em contratos de médicos em Malhada de Pedras, no Sertão Produtivo, Sudoeste baiano, será objeto de um inquérito. Segundo a 1ª Promotoria de Brumado, na mesma região, os fatos ocorreram entre 2013 e 2016 quando a prefeitura contratou os profissionais com dispensa de licitação. Pelo contrato, cada médico ganharia R$ 19,2 mil mensais, soma maior do que o teto municipal, recebido pela prefeita à época, Terezinha, de R$ 10 mil.

Em publica√ß√£o desta ter√ßa-feira (6), o promotor Millen Castro justificou a abertura do inqu√©rito pelo fato de algumas quest√Ķes ainda n√£o estarem claras. ‚ÄúComo a documenta√ß√£o √© extensa, os valores dos pagamentos variam e n√£o restou claro se tais atos teriam causado, al√©m de viola√ß√£o aos princ√≠pios administrativos, preju√≠zo ao er√°rio, ou se houve presta√ß√£o de servi√ßo que os justificasse, faz-se necess√°rio uma an√°lise t√©cnica dos referidos documentos‚ÄĚ, escreve o representante do Minist√©rio P√ļblico do Estado (MP-BA) na regi√£o.


6 de abril de 2021
Informe Publicit√°rio


6 de abril de 2021
Brasil

Senado vota projeto que quer autorizar uso de transporte escolar por pacientes

O projeto de lei que quer permitir que pacientes e profissionais da sa√ļde utilizem ve√≠culos de transporte escolar como transporte alternativo ser√° votado no Senado. A mat√©ria foi aprovada na C√Ęmara dos Deputados em 30 de mar√ßo. A PL 2.529/2020 autoriza o uso dos ve√≠culos enquanto as aulas presenciais estiverem suspensas por causa da pandemia da Covid-19.

Segundo o projeto, o transporte deverá observar protocolos de segurança sanitária, seguindo, no mínimo, o distanciamento na acomodação dos passageiros e o uso de máscara individual e oferta de álcool 70%.

Pelo texto aprovado na forma de um substitutivo do deputado Dr. Zacharias Calil (DEM-GO), os custos da medida ser√£o suportados pelos entes federados no √Ęmbito do Programa Nacional de Apoio ao Transporte do Escolar (Pnate). O projeto original previa o pagamento com recursos dos fundos de sa√ļde.

Autora do projeto, a deputada Carmen Zanotto (Cidadania-SC) observou que o ve√≠culo escolar poder√° tamb√©m socorrer pacientes de c√Ęncer ou que necessitem de hemodi√°lise. Para ela, o uso do transporte escolar √© uma forma digna de permitir o deslocamento dessas pessoas, portadoras ou n√£o de covid-19. O relator classificou de coerente a medida, diante da suspens√£o das aulas presenciais nas escolas p√ļblicas de educa√ß√£o b√°sica.


6 de abril de 2021
Polícia

Polícia Federal investiga fraudes envolvendo auxílio emergencial

A Polícia Federal (PF) deflagrou hoje (6) a Operação Checker, que visa desmantelar uma organização criminosa que fraudava o auxílio emergencial concedido pelo governo federal. Policiais federais estão cumprindo dois mandados de prisão preventiva e dois mandados de busca e apreensão no município paranaense de Umuarama.

De acordo com a PF, os suspeitos teriam usado programas de computador que, por meio de algoritmos, geram n√ļmeros do Cadastro de Pessoa F√≠sica (CPF) e softwares chamados checkers, que indicavam titulares aptos a receber o Aux√≠lio Emergencial.

‚ÄúOs saques eram realizados diretamente no caixa eletr√īnico, na ag√™ncia banc√°ria, ou ent√£o, quando em valores maiores, por meio de transfer√™ncia atrav√©s do sistema PIX‚ÄĚ, informa a PF.

Levantamentos iniciais apontam que o preju√≠zo estimado, tanto a cofres p√ļblicos como √†s v√≠timas donas de CPFs usados, esteja na faixa de R$ 1 milh√£o ‚Äď valor que n√£o considera outros potenciais envolvidos que s√≥ poder√£o ser contabilizados ap√≥s a an√°lise dos materiais apreendidos.

‚ÄúCom a atua√ß√£o dos investigados, al√©m do enorme preju√≠zo ao er√°rio, centenas de pessoas foram privadas do recebimento do benef√≠cio, justamente no momento mais agudo da pandemia‚ÄĚ, informou a Pol√≠cia Federal.

Acrescentou que o líder do esquema já foi investigado por crimes similares, coordenando golpes anteriores na região de Umuarama. Entre os crimes praticados por ele está o de falsificação de documentos usados para saques fraudulentos do Auxílio Emergencial, com a utilização de softwares desenvolvidos por hackers.


6 de abril de 2021
Informe Publicit√°rio