-------- PUBLICIDADE --------
28 de junho de 2024
Internacional

Debate causa pânico e abre crise no Partido Democrata

O desempenho do presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, no debate contra o ex-presidente Donald Trump nesta quinta-feira (27) causou pânico e abriu uma crise no Partido Democrata que coloca no horizonte a possibilidade que o candidato da sigla seja trocado.

A crise ficou clara logo após o fim do embate: nenhum democrata estava disponível no tradicional momento de dar entrevistas à imprensa para tentar enviesar a cobertura a favor de seu candidato. Republicanos, em contraste, abundavam.

Quando finalmente os democratas apareceram, foi em conjunto. Em seis pessoas, eles fugiram de responder perguntas sobre a performance vacilante de Biden. Logo ficou claro a mensagem combinada: o que importa é a substância, o conteúdo, e, nesse sentido, o presidente teria se saído melhor diante das mentiras de Trump.

Mas talvez o maior sintoma da crise tenha sido o assédio ao governador da Califórnia, Gavin Newsom, citado desde o ano passado como um plano B ao presidente na chapa democrata. O assédio foi intenso e, ao menos publicamente, o californiano segue dizendo que apoia totalmente Biden.

Os próprios republicanos fizeram questão de reforçar os remores de uma possível troca na chapa democrata.

“Estou ouvindo que os democratas estão querendo substituí-lo, mas ele é o candidato deles. Ele é o indicado democrata. E essa é a escolha, a escolha clara que os americanos terão em novembro entre o Presidente Trump e seu histórico de sucesso e Joe Biden e seu fracasso”, disse à Folha Danielle Alvarez, porta-voz da campanha republicana.

Continue lendo…


28 de junho de 2024
Cidades

Justiça nega recurso e mantém condenação de Isaac Carvalho, que segue inelegível

O ex-prefeito e pré-candidato em Juazeiro, Isaac Carvalho (PT), sofreu mais uma derrota na Justiça nesta quinta-feira (27), ao tentar recuperar os direitos políticos para disputar as eleições municipais deste ano.

A 1ª Vara de Fazenda Pública de Juazeiro indeferiu o requerimento apresentado por ele e manteve sua condenação por improbidade administrativa, que também o tornou inelegível.

“Ante o exposto, nenhuma nulidade foi detectada neste processo com sentença transitada em julgado desde 2022, pelo que indefiro todos os pedidos”, diz a decisão do juiz José Goes Silva Filho.

Em maio, o Ministério Público da Bahia (MP-BA) opinou que a Justiça não concedesse a tutela de urgência ao pedido de Isaac Carvalho por considerar que o recurso era “tão somente meio à candidatura do autor”.

Apesar das negativas judiciais, Isaac vem se apresentando como pré-candidato do PT à Prefeitura de Juazeiro, postura que elevou o nível de conflito entre os partidos da federação PT/PCdoB/PV que também apresentaram as pré-candidaturas de Zó (PCdoB) e Roberto Carlos (PV).

Condenado por improbidade administrativa, Isaac Carvalho está inelegível por cinco anos, além de ter sido obrigado a devolver R$ 243 mil aos cofres públicos e pagar multa civil de até duas vezes o valor do dano – o que deixa a soma perto de R$ 1 milhão.


28 de junho de 2024
Eleição 2026

Inscrições para ser mesário voluntário estão abertas no site do TRE-BA

Quem tiver interesse em trabalhar como mesário voluntário durante as Eleições 2024 já pode fazer a inscrição através do site do Tribunal Regional Eleitoral da Bahia (TRE-BA). Após a inscrição é preciso aguardar o contato do TER para saber se o candidato foi chamado.

O acesso também pode ser realizado pelo aplicativo E-título, disponível para os sistemas operacionais Android e IOS. A participação oferece benefícios como auxílio alimentação e o direito à dispensa do serviço pelo dobro dos dias trabalhados nas eleições. Além disso, é critério de desempate em concursos públicos, desde que previsto em edital, e como atividade complementar para os estudantes de graduação.

Critérios – Podem se candidatar eleitores acima dos 18 anos e em situação regular com a Justiça Eleitoral. Não podem fazer parte das mesas os candidatos às eleições e seus parentes até o segundo grau, os membros de diretórios de partido político que exercem função executiva, as autoridades e agentes policiais, bem como os funcionários no desempenho de cargos de confiança do Executivo e aqueles que fazem parte do quadro da Justiça Eleitoral.

De acordo com o Portal de Estatísticas do Tribunal Superior Eleitoral, mais de 37 mil eleitores exerceram a função de mesário na Bahia de forma voluntária nas Eleições de 2022.


28 de junho de 2024
Bahia

ALBA entra em recesso parlamentar a partir da próxima segunda-feira (1º)

Foto Sudoeste Acontece

A Assembleia Legislativa da Bahia (Alba) entra em recesso parlamentar a partir da próxima segunda-feira (1º), com encerramento previsto para 31 de julho.

Assinado pelo presidente da Casa, deputado Adolfo Menezes (PSD), o Ato de nº 4.063/2024, contendo as resoluções da implantação do regime de turnão e devidas alterações no funcionamento da Alba, foi publicado no Diário Oficial do Legislativo desta sexta-feira (28).

Durante o recesso, a maioria dos servidores vai trabalhar de 13h às 18h30, de segunda a quinta-feira, e de 9h às 13h na sexta-feira. Durante este período, as sessões no Plenário Orlando Spínola, as comissões permanentes e as audiências públicas deixam de ser realizadas nas salas de reuniões do Palácio Deputado Luís Eduardo Magalhães.

Apesar da atividade legislativa ficar interrompida, os deputados podem permanecer trabalhando nos seus gabinetes e atender ao público externo desde as primeiras horas da manhã.

Não há mudanças também no setor da portaria, onde estão instaladas as catracas de acesso para os funcionários, estagiários e visitantes, já que as recepcionistas que cadastram as pessoas e os seguranças estarão a postos a partir das 8h.

Segundo o superintendente de Recursos Humanos da ALBA, Francisco Raposo, o regime de turnão vai proporcionar uma economia significativa para o Legislativo baiano. “Já é uma tradição fazermos essa racionalidade administrativa. Esse processo de economia impacta nas contas da Assembleia. Tem sido uma experiência interessante e que o presidente Adolfo Menezes, um gestor austero e que gosta de economizar, nos orienta para ser dessa forma”, pontuou.

SEGURANÇA
Mesmo no período de recesso, o pessoal do Corpo da Guarda e policiais militares vai se revezar na segurança 24h em todas as dependências da Casa Legislativa, inclusive no patrulhamento do estacionamento de veículos na área externa dos edifícios.

TRABALHO EM TEMPO INTEGRAL

Mesmo com o regime especial, está mantido o trabalho integral de profissionais em alguns setores, e exemplo de editores, redatores, repórteres cinegrafistas e produtores da TV ALBA, funcionários do RH, Financeiro, Cerimonial e Presidência, Portaria de Correspondência, jornalistas da Assessoria de Comunicação Social e técnicos e engenheiros da Manutenção e Elétrica.

Todos esses departamentos trabalham em dois turnos, em sistema de escala, para que não ocorram problemas administrativos que comprometam os serviços.

Em razão da possibilidade de emergência para atendimento justamente a esses servidores, o Serviço Médico estará disponível de 8h30 até 18h30, com atendimento de recepcionistas, médicos e enfermeiras.

Já no Serviço Odontológico e no Atendimento Nutricional terão profissionais para atendimento somente no horário do turnão. O Serviço Social, que trabalha em parceria com o SMO, vai colocar pela manhã uma plantonista para atender aos servidores, sendo que à tarde funcionará também de 13h às 18h30.

RESTAURANTES ESTÃO SUSPENSOS

Com o intuito de proporcionar economia aos cofres públicos, mais uma vez foram suspensas as refeições no Restaurante à La Carte (com pagamento do almoço) e no Restaurante Sistema Bandejão (que serve aos funcionários).

Uma alternativa para se alimentar nesses dias do turnão passa a ser a Lanchonete da Associação dos Servidores da Assembleia Legislativa, que funciona a partir das 10h.

BANCO E CORREIOS

Quem quiser fazer pagamento de boletos, sacar dinheiro ou realizar qualquer outra operação bancária terá a agência do Bradesco e a sala do Bradesco Prime, que funcionam das 10h às 16h, de segunda a quinta, e de 10h às 13h na sexta-feira.

Na área externa do Complexo Barbosa Romeu, o posto dos Correios mantém seu funcionamento das 9h às 17h de segunda a sexta.


28 de junho de 2024
Brasil

Vereadores aprovam projeto que prevê multa de R$ 17 mil a quem doar comida a moradores de rua

A Câmara Municipal de São Paulo aprovou, nesta quinta-feira (27), um projeto de lei que prevê multar de R$ 17 mil qualquer pessoa que faça doação de alimentos a pessoas em situação de rua. A medida, que vale para ONGs, entidades e pessoas físicas, foi proposta pelo vereador Rubinho Nunes (União Brasil) e seguirá para uma nova votação.

Destrinchado pelo site G1, o Projeto prevê a multa para quem não seguir as seguintes regras para doar alimentos: as pessoas físicas deverão se responsabilizar por limpar toda a área onde será realizada a distribuição dos alimentos, além de disponibilizar tendas, mesas, cadeiras, talheres, guardanapos e “demais ferramentas necessárias à alimentação segura e digna, responsabilizando-se posteriormente pela adequada limpeza e asseio do local onde se realizou a ação”.

Além dos utensílios, será necessário conseguir uma autorização da Secretaria Municipal de Subprefeituras, outra autorização da Secretaria Municipal de Assistência e Desenvolvimento Social (SMADS), além de ter um cadastro de todos os voluntários presentes na ação junto à SMADS.

Quando se trata de ONGs e entidades, a possibilidade de doar alimentos fica ainda mais difícil. É necessário que a razão social da entidade seja registrada e reconhecida por órgãos competentes do município; apresentar documento atualizado com informações sobre o quadro administrativo da entidade, com nomes e cargos dos membros e as devidas comprovações de identidade; ter cadastro das pessoas em situação de vulnerabilidade social e informações atualizadas na SMADS.

Além disso, os voluntários deverão estar identificados com crachá da entidade no momento da entrega do alimento e as documentações apresentadas pelas ONGs e entidades deverão ser autenticadas em cartório ou estar acompanhadas de atestado de veracidade. O PL também prevê que o local em que os alimentos serão preparados deverão passar por vistoria da Vigilância Sanitária.

Segundo a Prefeitura de São Paulo o projeto será analisado pelo prefeito e, caso seja aprovado em segunda votação, poderá ser sancionado.


28 de junho de 2024
Bahia

Operação São Pedro: PRF reforça ações para garantir segurança viária durante festejos

Após a Operação São João, a Polícia Rodoviária Federal (PRF) volta as rodovias baianas para mais uma ação especial de fiscalização. As atividades visam acompanhar a movimentação durante os festejos de São Pedro. Os trabalhos tiveram início no dia 3 de junho e serão concluídos no dia 7 de julho.

A operação visa reduzir o número de sinistros, especialmente os graves e com óbitos, nas rodovias federais. O foco da PRF é sempre garantir a segurança viária e a mobilidade nas rodovias federais, e a Operação São Pedro seguirá essa mesma linha.

Após analisar os dados do período de São João, as ações são replanejadas para abordar os comportamentos que mais contribuem para os acidentes, como o uso do celular ao volante, falta do cinto de segurança, excesso de velocidade, mistura de álcool e direção e ultrapassagens proibidas.


28 de junho de 2024
Cidades

Servidores fazem vaquinha devido a salários atrasados em Feira de Santana

Servidores terceirizados de mão de obra na Saúde de Feira de Santana estão fazendo uma vaquinha para conseguir comprar alimentos, já que estão com salários atrasados, entre dois e três meses.

A vereadora da cidade Lu de Ronny (PV) foi a responsável pela denúncia e criticou a contratação de funcionários através de organizações de terceirização, como InSaúde (Instituto Nacional de Pesquisa e Gestão em Saúde).

“O prefeito Colbert Martins (MDB) disse que a categoria não tem que questionar sobre salários atrasados com ele, mas foi ele quem contratou a empresa”, comentou durante seu discurso na Câmara Municipal nesta quarta-feira (26).

Além disso, segundo o também vereador Emerson Minho (PP), os trabalhadores da Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do bairro Queimadinha foram atrás da Casa Legislativa na tentativa de arrecadar recursos para conseguir ter acesso à cesta básica.

A empresa, que gere essa unidade, não adquiriu a quantidade necessária dos materiais e insumos para o atendimento dos pacientes, de acordo com o parlamentar.

Por meio de nota, a Secretaria Municipal de Saúde (SMS) explicou os motivos dos atrasos dos salários, informando que a empresa atrasou “a entrega de documentos essenciais por parte da empresa.”

Veja a nota na íntegra:

A Secretaria Municipal de Saúde (SMS) não pôde efetuar o repasse à empresa In Saúde, que gerencia a UPA Queimadinha, devido ao atraso na entrega de documentos essenciais por parte da empresa.

Na última sexta-feira (21), a In Saúde entregou a documentação pendente, que agora está sendo verificada pela SMS para que o repasse seja realizado o mais rápido possível. Neste ano, a SMS já repassou R$ 5.550.272,91 à empresa.

O contrato firmado entre a SMS e as empresas licitadas exige que essas instituições possuam saúde financeira suficiente para cumprir todas as suas obrigações legais, incluindo o pagamento de salários dos trabalhadores terceirizados, recolhimento de impostos e aquisição de materiais necessários para a prestação dos serviços.


28 de junho de 2024
Cidades

Suspeito de narcotráfico é preso durante Operação Narke 2

Investigadores da 8ª Delegacia de Tóxicos e Entorpecentes (DTE) de Vitória da Conquista efetuaram a prisão em flagrante de um homem, de 42 anos, acusado do crime de posse ilegal de arma de fogo e munições de uso restrito. A Ação faz parte da Operação Narke 2, que visa o combate e repressão ao narcotráfico.

Os policiais civis, durante cumprimento do mandado de busca e apreensão, localizaram o acusado no bairro Candeias. Três armas de fogo, uma delas de uso restrito, munições de diversos calibres, além de um cassetete e uma algema foram apreendidos.

A investigação apontou que o suspeito, que já tem passagens por porte ilegal de arma de fogo e envolvimento com drogas, se identificou recentemente, de maneira falsa, como policial civil, para intimidar funcionários de uma pousada.

O acusado confessou o crime na delegacia especializada. Ele realizou os exames de lesão de praxe, sendo encaminhado para uma unidade prisional, onde ficará custodiado à disposição da Justiça. A prisão foi efetuada na quarta-feira (26).


28 de junho de 2024
Internacional

Trump encurrala Biden em debate tenso entre os presidenciáveis

Fernanda Perrin/Victor Lacombe/Folhapress


Os candidatos à Presidência dos Estados Unidos Joe Biden e Donald Trump se enfrentaram nesta quinta (27) no primeiro e provável único debate da campanha eleitoral deste ano, um evento que pode ser decisivo em uma campanha acirrada.

Em um debate tenso, Trump pressionou Biden de maneira enérgica em temas chave para o eleitorado americano, como imigração, guerras nas quais os EUA se envolveram nos últimos anos, a gestão da pandemia, e aborto.

O confronto começou com uma pergunta direcionada a Biden sobre inflação, que o presidente respondeu, com voz rouca, dizendo que os dados econômicos melhoraram sob sua gestão, mas completou admitindo que “há mais que pode ser feito”. Durante o confronto, a Casa Branca confirmou que Biden está gripado.

Nas suas primeiras falas, Trump defendeu sua gestão da pandemia, dizendo que entregou a economia a Biden em perfeito estado e frisou que, sob seu comando, o país “não estava em guerra”, uma referência aos conflitos na Ucrânia e entre Israel e o Hamas na Faixa de Gaza.

Sobre aborto, tema que move o eleitorado depois que a Suprema Corte com maioria conservadora indicada por Trump revogou a prática a nível nacional, o republicano defendeu que os estados tenham autonomia para decidir a regulamentação do aborto, e disse que defende exceções para estupro, incesto e risco de vida da mãe.

A posição do republicano não novidade, mas Trump tem evitado se posicional sobre uma eventual lei sobre o tema em âmbito federal —conservadores americanos defendem uma proibição nacional. Joe Biden prometeu que, se reeleito, vai restaurar o direito constitucional ao aborto. No entanto, uma medida do tipo depende de aprovação do Congresso, não apenas da Casa Branca.

Continue lendo…


28 de junho de 2024
Bahia

Vitória vence o Fluminense e se afasta da zona de rebaixamento

Com um gol no final da partida o Vitória venceu o Fluminense no Maracanã na noite de quinta-feira (27), o Rubro-Negro conquistou sua primeira vitória fora de casa no Campeonato Brasileiro, e conseguiu se afastar da zona de rebaixamento chegando a 12 pontos na competição. O gol do Leão foi marcado pelo atacante Janderson após bela jogada de Zé Hugo.

Em um jogo bastante movimentado, o Vitória conseguiu sair do Rio de Janeiro com os três pontos em um confronto direto para se livrar da zona de rebaixamento deixando o time carioca na lanterna do Brasileirão. Vale ressaltar a grande atuação do goleiro Lucas Arcanjo que salvou o time baiano com grandes defesas ao decorrer do jogo.

Fim de tabu

Após vencer o Fluminense, o Vitória também conseguiu quebrar um tabu de quase 10 anos, o time não vencia o Tricolor carioca desde setembro de 2014, de lá pra cá foram seis jogos até o fim do jejum, nos quais o Fluminense havia vencido duas partidas e outras quatro terminaram empatadas

O Rubro-Negro conseguiu abrir 2 pontos do Z-4 e agora encara o Athletico Paranaense no próximo domingo (30), às 18h30 no Barradão, a promessa é de casa cheia e que o torcedor rubro-negro lote o estádio.


27 de junho de 2024
Bahia

Governo do estado convoca 2ª lista de aprovados em concurso da Polícia Civil

Foto Washington Tiago Sudoeste Acontece

O governo da Bahia divulgou, nesta quinta-feira (27), no Diário Oficial do Estado (DOE), o segundo edital de convocação de candidatos aprovados no Concurso da Polícia Civil (Saeb 02/2022). A lista inclui 255 convocados, que agora devem apresentar os documentos para efetuar a nomeação para os cargos de Delegado de Polícia Civil, Investigador de Polícia Civil e Escrivão de Polícia Civil.

Entre os dias 4 e 9 de julho, os candidatos aptos devem se apresentar na sede da Academia da Polícia Civil do Estado da Bahia (Acadepol), no bairro de Pernambués, em Salvador, para apresentar a documentação exigida no edital. Os horários de atendimento constam na publicação do DOE.

Além da documentação pessoal nas versões original e cópia, os selecionados também devem apresentar os exames médicos listados no ato convocatório, dentro do prazo de validade.

Após a entrega destes itens, o candidato convocado será informado da data de retorno para a realização da avaliação pré-admissional na Junta Médica Oficial do Estado da Bahia. Aquele que não atender à convocação, na forma e prazo determinado, perderá o direito à nomeação, independentemente do motivo alegado.

O concurso público da Polícia Civil foi realizado pela Secretaria da Administração (Saeb), juntamente com a Polícia Civil, em julho de 2022, e o resultado foi homologado em novembro do mesmo ano, com 150 vagas para o cargo de delegado, 150 para escrivão e 700 para investigador. A banca examinadora foi o Instituto Brasileiro de Formação e Capacitação (IBFC).

Nesta 2ª convocação foram chamadas 89 pessoas para o cargo de Delegado de Polícia Civil, 1 para o cargo de Escrivão de Polícia Civil e 165 para o cargo de Investigador de Polícia Civil. Outros 709 candidatos já haviam sido convocados anteriormente.

O edital com a relação dos selecionados também está disponível para consulta no portal RH Bahia (www.rhbahia.ba.gov.br).


27 de junho de 2024
Bahia

Projeto dos defensores públicos é aprovado por unanimidade na ALBA

Foto Sudoeste Acontece

Em sessão extraordinária na Assembleia Legislativa (Alba), o projeto dos defensores públicos da Bahia (PLC 156/2024) foi aprovado por unanimidade nesta quarta-feira (26). A matéria, de autoria da Defensoria Pública do estado, prevê a reestruturação da carreira dos profissionais.

Após a publicação da lei, a Defensoria Pública da Bahia terá a carreira dividida em cinco classes, como ocorre com promotores/procuradores e magistrados, em vez de quatro. Com isso, os defensores receberão entre R$ 31 mil e R$ 41 mil, dependendo da classe.

Apresentado em dezembro de 2023 à Casa, o texto foi retirado da pauta de votação após determinação do governador Jerônimo Rodrigues (PT). A ação do petista desagradou à categoria, que disse ter visto com estranheza a postura do chefe do Executivo baiano, uma vez que a proposta foi acordada antes de ser enviada à Assembleia Legislativa.