-------- PUBLICIDADE --------
31 de julho de 2020
Anagé

Morre o primeiro prefeito de Anagé

Foto: Reprodução

Antônio José de Oliveira morreu em Vitória da Conquista, nesta quinta-feira (30), em um hospital particular. Conhecido por ser o primeiro prefeito da história de Anagé, Antônio tinha 92 anos. Ele foi eleito em 1962 e ficou à frente da prefeitura até 1967.

A causa da morte ainda não foi revelada. O ex-prefeito será velado na Câmara de Vereadores de Anagé.


23 de julho de 2020
Anagé

Anagé: Polícia Civil pede prisão preventiva de homem acusado de estuprar uma menina de 12 anos

Foto Reprodução

A Polícia Civil pediu a prisão preventiva de Demivaldo Peruso dos Santos, conhecido como Moia, ex-funcionário da Prefeitura de Anagé, acusado de estupro de vulnerável, sendo a prisão decretada pela Justiça . Ele foi acusado de estuprar uma menina de 12 anos, no fim de maio desse ano, em Anagé.

Desde que o caso foi elucidado pela Polícia Civil, ele está foragido. A polícia pede que quem tiver qualquer informação sobre o paradeiro do autor a população pode ligar anonimamente para o 197 ou 190


18 de junho de 2020
Anagé

Prefeita de Anagé é punida pelo TCM por contratações de shows durante situação de emergência

Foto Reprodução

A prefeita de Anagé, Elen Zite (PDT), foi punida pelo Tribunal de Contas do Município (TCM) por realizar diversos gastos em contratações de shows musicais e locações de equipamentos durante uma situação de emergência em que o município se encontrava devido à estiagem. Os gastos da chefe do executivo somam totalizam R$512 milhões.

O TCM decidiu multá-la em R$ 15 mil pela conduta. O relator do processo, conselheiro Francisco Netto, disse que os gastos da prefeitura estavam em “descompasso com o princípio constitucional da razoabilidade”.

Elen Zite alegou que os festejos juninos são importantes para a economia local. No entanto, o TCM declarou que “de acordo com a 5ª Irce, foi irrazoável a utilização dos recursos públicos, em face da gravidade da situação que o município atravessava no período de estiagem, visto que havia despesas mais emergenciais a atender”.


Tags:
16 de junho de 2020
Anagé

20ªCOORPIN: Rui Costa assina promoção post mortem de delegado assassinado em Anagé

Da Redação

Foto Sudoeste Acontece

O governador Rui Costa (PT) assinou a promoção post mortem do delegado de Polícia Civil Marco Antônio Torres, assassinado em 12 de abril de 2018, na cidade de Anagé, no sudoeste baiano. A medida foi publicada na edição desta terça-feira (16) do Diário Oficial.

De acordo com o ato, a promoção acontece por critério de merecimento e com base no artigo 70 da lei 11.370/09, que traz no inciso primeiro a obrigatoriedade de promoção à classe imediatamente superior de delegado de Polícia Civil que vier a óbito no exercício das funções.

À época da morte, o delegado Marco Antônio Torres tinha 10 anos na Polícia Civil da Bahia e foi enterrado dia 15 de abril em Governador Valadares (MG), cidade natal. As investigações apontam que o assassinato aconteceu em retaliação ao trabalho dele no combate ao crime em Barra da Estiva, onde atuava.


12 de março de 2020
Anagé

TOR apreende Motocicleta com Chassi e motor pinado

Da Redação

Foto Divulgação

Na tarde da última terça-feira (11), uma guarnição do Tático Ostensivo Rodoviário-TOR, da Polícia Rodoviária Estadual (PRE), em ronda na zona rural da cidade de Anagé, quando se deparou com um indivíduo pilotando uma motocicleta, que ao avistar a viatura evadiu-se, abandonando o veículo não sendo possível a captura do mesmo.

Ao averiguar a motocicleta abandonada CG Titan 125, foi constatado numeração de chassi e motor suprimidos e placa ostentando divergência de veículo. Diante dos fatos, a motocicleta foi apresentada a Delegacia de Polícia Civil.


13 de dezembro de 2019
Anagé

Anagé: TCM reprova as contas de 2018 da prefeitura e multa gestora em mais de R$ 21 mil reais

Da Sudoeste Acontece

Foto Reprodução

O Tribunal de Contas dos Municípios (TCM-BA) reprovou na quinta-feira (12) as contas de 2018 da prefeitura Anagé, por exceder o limite para despesa com pessoal estabelecido pela Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF). Pela legislação, os gastos com pessoal podem atingir, no máximo, 54% da receita corrente líquida

A prefeita de Anagé, Elen Zite dos Santos, foi multada em R$ 21,6 mil, também equivalente a 12% dos seus vencimentos anuais, por não ter reconduzido as despesas como manda a LRF, e em R$ 5 mil pelas demais falhas contidas no parecer. Cabe recurso das decisões.


4 de novembro de 2019
Anagé

De 10 cidades baiana 9 estão com dificuldades ou tem gestão fiscal crítica, aponta dados do FIRJAN

Da Redação/Sudoeste Acontece

Foto Reprodução

De 10 cidades baiana 9 estão com dificuldades ou tem gestão fiscal crítica. Os dados são do Índice FIRJAN de Gestão Fiscal (IFGF). As dificuldades de caixa das prefeituras baiana revelam negligencia na administração do dinheiro público.

Com pouca ou nenhuma capacidade de investimentos, além do aumento da folha de pagamento com gastos com pessoal compromete toda as finanças dos municípios. Entre os municípios com pior gestão, 265 cidades, ou 63,5% das 417 do estado, estão nesta condição. Na região sudoeste do estado a cidade de Anagé aparece como o município de pior avaliação.

A relação com as 10 piores gestões fiscais vem na sequência com: Coaraci, no Sul; Itaquara, no Vale do Jiquiriçá; Dário Meire, no Médio Rio de Contas; Itambé, também no Sul; Jeremoabo, no Nordeste baiano; Senhor do Bonfim, no Piemonte Norte do Itapicuru; Coração de Maria e Água Fria, no Portal do Sertão; e Santanópolis, também no Portal do Sertão. Os dados foram divulgados no último (3)) pelo Índice FIRJAN de Gestão Fiscal-IFGF.