-------- PUBLICIDADE --------
18 de janeiro de 2021
Brumado

Prefeito de Itaberaba visita Escolas de Tempo Integral de Brumado, referência de ensino em todo país

Foto Divulgação

Na última segunda-feira (11), o prefeito da cidade de Itaberaba, Ricardo Mascarenhas, juntamente com a sua equipe de governo, visitou o município de Brumado para conhecer de perto a estrutura das Escolas de Tempo Integral (ETIs).

O modelo implantado pelo prefeito Eduardo Lima Vasconcelos é referência de ensino em todo Estado da Bahia e também no país. Na oportunidade, o gestor apresentou à equipe o modelo educacional, administrativo e pedagógico das escolas municipais, que funcionam 100% em tempo integral.

Mascarenhas destacou que, nos próximos quatro anos, pretende tornar Itaberaba referência educacional em toda a Bahia e, para isso, conhecer um modelo de sucesso, como é o caso de Brumado, reconhecido e premiado pela universalização do atendimento de tempo integral em sua rede de ensino, é fundamental. “Foi uma experiência massa! Saímos de lá com muitas ideias, projetos e ainda mais vontade de continuar transformando para melhor a nossa rede de ensino. Parabéns pelos avanços conquistados e obrigado pela atenção, prefeito Eduardo Vasconcelos”, escreveu Mascarenhas em suas redes sociais.


15 de janeiro de 2021
Educação

UNICEF defende retorno das aulas e diz que crianças não podem suportar mais um ano

Foto Divulgação

A chefe da agência da Organização das Nações Unidas (ONU), Henrietta Fore, divulgou um comunicado, nesta terça-feira (12), em que afirma que as crianças não podem ficar mais um ano sem aulas e que já há provas de que as escolas não são transmissores de Covid-19. Para ela, se em 2021 os Estados repetirem a mesma estratégia de suspensão das aulas, haverá consequências para as próximas gerações.

De acordo com a ONU, no auge do confinamento social, 90% dos alunos em todo o mundo estiveram fora das salas de aula. Além disso, mais de um terço não tiveram acesso à educação remota. Segundo Fore, o custo foi “arrasador” para as crianças e jovens.

Ainda conforme o comunicado, “a capacidade de alfabetização e matemática básica foi afetada” e “os alunos foram prejudicados em suas habilidades para sobreviver na economia do século 21”. Também foi observada uma queda de nutrição de muitas crianças no mundo, devido elas não terem acesso a merenda escolar.

“A falta de interações diárias leva a perdas à forma física e saúde mental. Sem a rede de segurança das escolas, as crianças estão mais propensas ​​a abusos, casamento infantil e trabalho forçado”, diz a publicação.

Com isso, Fore defendeu que “o fechamento de escolas deve ser uma medida de último recurso, após todas as outras opções terem sido consideradas.”


11 de janeiro de 2021
Educação

PL permite que alunos se ausentem de evento escolar por questões religiosas e ideológicas

Foto Reprodução

O Projeto de Lei 2992/20 assegura a pais ou responsáveis por alunos menores de idade o direito de impedir a participação da criança ou do adolescente em atividades que envolvam questões ideológicas, culturais, religiosas, filosóficas ou políticas, sem que a decisão implique prejuízo ao aluno.

O texto, que tramita na Câmara dos Deputados, obriga ainda estabelecimentos de ensino de todo o País a informarem previamente pais ou responsáveis sobre eventos dessa natureza.

A notificação, segundo o texto, deverá ocorrer com três dias de antecedência, ao menos, e trazer informações sobre a natureza e o local da atividade, além da sua importância pedagógica e correlação com a Base Nacional Curricular Comum. Deverão ser fornecidos ainda sites, telefones e endereços para maiores informações.

O deputado Alexandre Frota (PSDB-SP), autor do projeto, argumenta que o objetivo é impedir “tentativas de muitos segmentos da sociedade de destruir e interferir nos valores que cada família passa às crianças”, sejam eles quais forem.

A proposta será analisada em caráter conclusivo pelas comissões de Educação e de Constituição e Justiça e de Cidadania.


6 de janeiro de 2021
Brumado

Brumado: Prefeitura, Conselho Municipal de Educação e Ministério Público se reúne para avaliar proposta de volta as aulas

Foto Sudoeste Acontece

Nesta quarta-feira (6), pode ser decisivo para a volta as aulas da Rede Municipal de Ensino em Brumado. A prefeitura apresentará uma minuta ao Conselho Municipal de Educação e do Ministério Público onde darão o passo principal ao retorno das aulas.

A expectativa que a Secretaria Municipal de Educação (SEMEC), apresente uma proposta real que abrange a segurança tanto dos alunos, como de todos os profissionais envolvidos no dia a dia da escola.

O Prefeito Eduardo Vasconcelos chegou a anunciar a volta as aulas para o dia 11 desse mês, mas vai depender da aprovação do Conselho Municipal de Educação e do Ministério Público.  


5 de janeiro de 2021
Bahia

Bahia: ‘Resta continuar aguardando momento ideal’, diz secretário sobre retorno das aulas

Foto: Reprodução / TV Bahia

O secretário da Educação da Bahia, Jerônimo Rodrigues, afirmou nesta terça-feira (5) que os meses de janeiro e parte de fevereiro já foram prejudicados no que diz respeito ao retorno das aulas. O motivo é a segunda onda de contaminação do coronavírus, que elevou para 496.823 o número de pessoas contaminadas e 9.246 o total de óbitos.

Nesta terça-feira (5), o governador Rui Costa renovou o decreto que suspende a realização das aulas presenciais em todo o estado até o dia 15 de janeiro.

“Estamos aí: as metas preparadas, as escolas prontas, mas estamos com números altos de casos, de mortes. A gente venceu um decreto do governador e ele já publicou um outro, levando para o dia 15 de janeiro. A gente está levando assim, de 15 em 15 dias, aguardando que chegue a oportunidade. (…) Nos resta continuar aguardando o momento ideal para não por em risco estudantes, professores e servidores”, disse o secretário, em áudio enviado à imprensa.

De acordo com Jerônimo, a expectativa era iniciar o modelo de ensino híbrido, com parte das aulas presenciais e parte à distância, 20 dias após as eleições. No entanto, foi nesse intervalo que o número de casos confirmados e óbitos decorrentes da Covid-19 voltou a subir.


5 de janeiro de 2021
Brumado

João Nolasco assume a Secretaria Municipal de Educação com missão do retorno as aulas presenciais em meio à pandemia

Foto Sudoeste Acontece

O novo Secretário Municipal de Educação de Brumado, João Nolasco, terá a difícil missão de retornar as aulas no município em meio a pandemia. Na administração e no financeiro, Nolasco se saiu muito bem.

Segundo pessoas que trabalham com João, sua forma de lidar com pessoas lhe capacita para assumir qualquer cargo na administração. Seu jeito de gerenciar pessoas abre portas para o sucesso de administrar e não será diferente na Educação.

Nolasco terá a difícil missão de retornar as aulas do ensino público municipal no próximo dia 11. O novo secretário terá o apoio do Conselho Municipal de Educação e da Promotoria Pública no retorno as aulas.  


5 de janeiro de 2021
Bahia

Governo da Bahia prorroga decreto que suspende aulas nas redes pública e privada

Foto Sudoeste Acontece

O Governo do Estado informou ontem (4), que o decreto que suspende as aulas nas unidades de ensino das redes pública e privada em toda a Bahia será prorrogado. A publicação da medida será publicada no Diário Oficial do Estado (DOE) de hoje (5). O prazo termina no dia 15 de janeiro de 2021.

Além das atividades escolares, o decreto proíbe a realização de atividades com público superior a 200 pessoas, como passeatas, feiras, circos, eventos científicos, desportivos e religiosos. Shows e festas, públicas ou privadas, seguem proibidos independentemente do número de participantes.

Cerimônias de casamento e solenidades de formatura podem ser realizadas desde que limitadas a até 200 pessoas. A parte festiva desses eventos não está permitida.


5 de janeiro de 2021
Brasil

Locais de prova do Enem 2020 são divulgados

Foto Divulgação

O cartão de confirmação de inscrição do Exame Nacional do Ensino Médio 2020 (Enem) estará disponível a partir de hoje (5). No documento, os inscritos poderão acessar o local do exame, número de inscrição, a data, o horário, entre outras informações. Ao todo, 5.783.357 inscrições foram confirmadas.

Durante a aplicação do exame, o uso de máscaras será obrigatório e quem estiver com Covid-19 ou outras doenças infectocontagiosas poderá participar da reaplicação das provas.

Confira o cronograma completo:

Continue lendo…


30 de dezembro de 2020
Bahia

Governo do Estado quer criar 26 mil vagas remuneradas para monitores escolares

Foto Reprodução

O governo do estado deve enviar à Assembleia Legislativa da Bahia (AL-BA) um projeto de lei que cria 26 mil vagas de monitores escolares remunerados. Os profissionais serão escolhidos entre os próprios alunos, um para cada uma das 26 mil salas de aula dos estado.

O anúncio foi feito nesta terça-feira (29), durante visita ao município de Conceição do Coité, onde entregou o Complexo Poliesportivo Educacional. De acordo com o Rui Costa, a ideia da criação das vagas surgiu de uma demanda que observou nas escolas estaduais: alguns alunos ensinavam os colegas voluntariamente.

Há cerca de um ano, foi criado o programa Mais Estudo, remunerando em R$ 600 os estudantes que sejam monitores. O projeto contou com 10 mil alunos e foi considerado um sucesso, com melhora nas notas e no aprendizado. A ideia com o projeto de lei é tornar a iniciativa uma ação de Estado, não de governo.

“Eu quero com isso acelerar a retomada de indicadores educacionais da Bahia, para que a gente coloque a Bahia no lugar que o povo baiano merece, um lugar de destaque tanto para a profissionalização quanto para o resultado de uma melhoria dos indicadores educacionais”, explicou.


29 de dezembro de 2020
Bahia

Secretaria da Educação da Bahia solicita adiamento das provas do Enem para maio

Foto Divulgação

A Secretaria da Educação da Bahia encaminhou um ofício ao Ministério da Educação (MEC) para solicitar o adiamento das provas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) para o mês de maio de 2021. As provas, na versão impressa, estão marcadas para os dias 17 e 24 de janeiro de 2021 e, na versão digital, para 31 de janeiro e 7 de fevereiro.

“Entendemos que não é razoável expor milhões de estudantes ao risco de aglomeração e contaminação quando o adiamento das provas – não falamos em cancelamento – terá impactos financeiros e logísticos administráveis e plenamente justificáveis face ao valor incalculável de tantas vidas”, afirmou o secretário da Educação, Jerônimo Rodrigues, no ofício.

Jerônimo lembrou também que o quadro de desigualdade econômica, ainda mais evidenciado pelo contexto de suspensão das aulas, coloca em situação de desvantagem os estudantes com menor acesso aos bens de consumo e de cultura e que precisam de mais tempo para a preparação.

“Reiteramos todos os argumentos que apresentamos anteriormente ao Inep e ao MEC, notadamente, o incentivo que o Enem representa para os estudantes concluintes da escola pública que sonham ingressar no Ensino Superior. Esta geração já vem sofrendo as consequências, no curto prazo, dessa tragédia mundial e não podemos, como gestores de políticas educacionais, comprometer também suas perspectivas de médio e longo prazos”, acrescentou.

Esta é a segunda vez que a Secretaria da Educação do Estado envia ofício requerendo a prorrogação da aplicação do exame ao MEC e também ao Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), órgão responsável pela execução do Enem.